fbpx
Tecnologia

Como a tecnologia pode otimizar a relação médico e paciente?

clínica

Não basta que uma clínica médica preste serviços de qualidade e conte com os equipamentos mais avançados. É preciso trabalhar a relação médico e paciente diariamente. Fidelizar pacientes e transformá-los em verdadeiros promotores da clínica é totalmente viável, desde que se invista em relacionamento de forma estratégica.

Toda pessoa atendida no consultório é potencialmente propagadora de referências sobre o negócio. Cada uma delas tem o poder de promover sua clínica por meio do compartilhamento de experiências positivas, compondo e fortalecendo uma rede ampliada de divulgação.

E aqui entra a tecnologia. Você já pensou em quanto ela pode facilitar o cotidiano do consultório e proporcionar mais segurança, conforto e comodidade para os pacientes?Aqui, listamos alguns benefícios promovidos pelos softwares de gestão de clínicas e que vão melhorar a relação médico e paciente no dia a dia.

Informações unificadas: mais segurança nos diagnósticos

Em um negócio da área da saúde, mais do que nunca, precisão é a palavra-chave. O primeiro passo para fidelizar o paciente é oferecer um serviço de qualidade e que supra as suas necessidades. É simples: se ele está com algum problema e marcou uma consulta, quer ter um diagnóstico correto com economia de tempo.

Alguns processos fundamentais para um bom diagnóstico, como exames e procedimentos, demandam tempo. Então, a estratégia é otimizar o que é possível, como a organização das informações sobre o paciente. É aí que entra o prontuário eletrônico: m recurso para reunir todos os dados do histórico médico e mantê-los sempre atualizados.

O documento unificado agiliza as consultas e oferece condições de que o diagnóstico seja feito com mais segurança, bem como a indicação de tratamento. O paciente sai da clínica com suas expectativas atendidas e sem esperar uma eternidade por isso.

Gestão estratégica do tempo: erros evitados

Há quem se apegue às agendas de papel na marcação de consultas, mas fazer o agendamento por meio eletrônico permite uma gestão inteligente do tempo da clínica e, ainda, evita uma série de erros que só trazem desgaste para todos os envolvidos.

Quem opta pelo método analógico corre o risco de marcar mais de um paciente no mesmo horário, deixar horários vagos (o que significa perda de produtividade no consultório). Ainda, todo o registro fica condicionado a uma agenda física e, se ela se perde, todas as informações essenciais para o funcionamento da clínica desaparecem com ela.

Marcar consultas usando um software não apenas evita esses erros, mas também proporciona uma visão mais global dos processos da clínica e quanto tempo de execução eles demandam. Fica muito mais fácil fazer ajustes na grade de horários, organizar plantões e decidir ações para otimização do tempo, como os recursos de comunicação a seguir.

Recursos de comunicação: diálogo transparente

Os softwares de gestão de clínicas também auxiliam em uma das frentes mais importantes de fidelização dos clientes: a comunicação. Por meio deles, é possível manter um diálogo mais constante e diferenciado com os pacientes, fazendo com que toda a experiência que envolve o consultório seja mais agradável.

Com esse recurso, os dados de contato ficam sempre atualizados e é possível automatizar mensagens em datas específicas, como aniversário dos pacientes e outras datas comemorativas.

Além disso, os assuntos relacionados à prestação de serviços em si são tratados com mais eficácia e podem ser registrados com facilidade no sistema, de forma que qualquer pessoa que retome um contato saiba o que foi conversado anteriormente. Ponto para a clínica, seus funcionários e médicos, que não vão parecer perdidos diante de uma demanda específica de um dos muitos pacientes.

Lembretes de consulta são facilitados com a ferramenta, o que evita as temíveis faltas, que atrapalham a rotina da clínica médica e, consequentemente, o faturamento.

Dispondo de canais e dinâmicas eficientes de comunicação, o paciente terá menos preocupações, menos trabalho e mais comodidade.

Controle de estoque: a certeza de que nada vai faltar

A tarefa de controlar o estoque de suprimentos de um consultório não é fácil. Por se tratar da área da saúde, qualquer falha nesse processo pode ter consequências drásticas. Não ter um instrumento essencial para um procedimento, por exemplo, pode ser um atestado de incompetência aos olhos do paciente. Não há negociação, nada pode faltar.

Por esse motivo, os softwares de gestão de clínicas se fazem ainda mais necessários. Eles ajudam a gerir os estoque e a garantir que as entradas e saídas de itens sejam registradas devidamente, evitando surpresas desagradáveis.

Não apenas instrumentos podem ser controlados com mais assertividade, mas também itens de escritório, limpeza e aqueles diretamente relacionados ao bem-estar do paciente na clínica, como copos descartáveis.

O controle também é válido para medicamentos. O software permite a classificação de produtos por lote, data de fabricação e validade, o que aperfeiçoa a gestão do estoque e garante que não haja riscos à saúde do paciente.

Muito importante: um controle eficiente de estoque evita desperdício de recursos e representa economia para o consultório, que tem condições de investir esse valor de outras maneiras mais estratégicas.

Gestão financeira: recursos aplicados com inteligência

Outro recurso tecnológico oferecido e que otimiza a relação médico e paciente é o controle financeiro automatizado. A gestão eficiente do dinheiro faz com que a clínica seja mais produtiva e rentável e consiga realizar melhorias constantes.

O software permite, por exemplo, saber quais tipos de gastos são responsáveis por escoar o dinheiro. Assim, a tecnologia ajuda a agir na contingência, ou mesmo prever melhor os fluxos de entrada (períodos de maior receita) para programar os pagamentos de fornecedores, por exemplo.

Dessa forma, perdas de recursos ocasionadas por erros são eliminadas, a saúde financeira da clínica ganha, e o paciente também. O valor perdido com a falta de organização e controle financeiro pode ser aquele que estava faltando para melhorar a infraestrutura (compra de equipamentos, reformas) e capacitar profissionais.

Ainda, o equilíbrio financeiro da clínica significa uma precificação mais justa dos serviços e também dá margem para ações promocionais, como descontos em consultas particulares proporcionais ao “tempo de casa” do paciente.

Não tem segredo: a relação médico e paciente ganha quando a clínica investe recursos para que isso aconteça. E um software de gerenciamento é o auxílio necessário para otimizar todo o processo, resultando em clientes satisfeitos e promotores dos serviços.

Gostou da ideia? Leia também nosso artigo especial sobre marketing dos defensores e saiba como garantir uma imagem positiva do seu consultório!

Deixe seu comentário