fbpx
Marketing

Mídias no atendimento médico: como elas podem auxiliar?

mídias

As mídias sociais estão sendo cada vez mais procuradas pelas pessoas que têm o objetivo de obter informações relativas à saúde. A produção de conteúdos que têm os pacientes como foco já é um grande desafio presente nas discussões dos consultórios.

Desse modo, as mídias no atendimento médico acabam possibilitando a comunicação, o compartilhamento de informações e um maior alcance de inúmeros pacientes e potenciais clientes.

Quando utilizadas corretamente, respeitando os princípios éticos, as mídias podem auxiliar no atendimento médico, oferecendo maior conforto aos pacientes. A facilidade que essas plataformas oferecem tem expandido a discussão sobre saúde para muito além do consultório.

Ficou interessado no assunto? Quer saber como as mídias podem auxiliar no atendimento médico e quais as suas vantagens? Então, continue acompanhando o texto e confira! Boa leitura!

Como o uso das mídias pode auxiliar no atendimento médico?

As facilidades que diversos aplicativos de bate-papo e fotos proporcionam tendem a influenciar positivamente no relacionamento entre um médico e seu paciente. Há algum tempo, os diálogos só eram possíveis na consulta ou pelo telefone.

No entanto, como cada vez mais as pessoas têm utilizado as mídias para se comunicarem e já que os consultórios também decidiram aproveitar essa oportunidade, as possibilidades passaram a ser inúmeras. As mensagens por Facebook, WhatsApp, Instagram e outras redes driblam as agendas lotadas e poupam bastante tempo no momento de sanar diversas dúvidas.

Porém, é importante ressaltar que o CFM determina que é proibido ao médico realizar consultas, diagnosticar ou prescrever utilizando redes sociais. A consulta presencial, portanto, continua sendo imperativa.

Por que a apresentação de fotos e vídeos é fundamental?

As fotografias e os vídeos têm uma importância substancial para clínicas, consultórios e hospitais. Apresentá-los no atendimento é uma forma de ilustrar e facilitar o entendimento do paciente a respeito de sua situação.

Além disso, a fotografia é fundamental para mostrar ao paciente a estrutura do consultório médico, a equipe e o próprio médico. Para o paciente, é muito importante conhecer a aparência do local e de quem vai atendê-lo, pois é uma forma de se identificar com o profissional ou não. Desse modo, utilizar uma boa foto é ideal para mostrar para o paciente como será o atendimento, tudo por uma única imagem.

O vídeo também é um grande aliado, já que ele é a tendência do futuro. As pessoas preferem sempre assistir a um vídeo a ler um texto, por exemplo. O médico pode aproveitar essa ferramenta para divulgar um assunto sobre a sua especialidade, como uma doença, uma cirurgia ou um tipo de tratamento, por exemplo.

Quais são as vantagens do uso de mídias na área da saúde?

Conquistar novos clientes e pacientes

As mídias podem ser um excelente canal de comunicação com os potenciais clientes e pacientes. Elas são fundamentais para a divulgação de atividades do consultório médico, novidades e tendências do mercado.

Dessa forma, a reputação e o reconhecimento aumentam e isso faz com que novas pessoas passem a frequentar a instituição quando precisarem.

Reconhecimento de marca

A presença do consultório, clínica ou hospital nas mídias faz com que as pessoas o vejam e, no futuro, possam se tornar clientes da instituição.

Assim, a qualidade e a frequência dos conteúdos postados permitem que a marca fique na cabeça das pessoas, tornando a instituição facilmente reconhecível.

Gerar tráfego para o site da instituição

As mídias podem servir como divulgadoras do conteúdo do site, direcionando mais tráfego a ele. Por isso é importante, ao atualizar as redes como Facebook, LinkedIn e Twitter, incluir links que direcionem o público ao site.

Atendimento médico otimizado

Segundo um relatório da PwC, os problemas podem ser resolvidos de maneira imediata nas redes sociais, já que existe um canal aberto para diálogo.

Ou seja, além de tornar o atendimento mais rápido, os pacientes, quando percebem que seus problemas foram tratados e que soluções estão sendo buscadas, acabam sentindo que o atendimento é levado a sério pelo consultório médico.

De quais mídias os consultórios podem fazer parte?

Facebook

Nessa rede podem ser publicados textos maiores, imagens, vídeos e artigos mais completos. Recomenda-se criar uma página para a instituição em vez de um perfil pessoal, seja para uma clínica, para um hospital ou para um médico específico.

Instagram

Essa rede de compartilhamento de imagens tem sido uma das mais utilizadas hoje em dia. Algumas estratégias devem ser definidas para fazer um bom uso dela, como seguir outras instituições e pacientes.

Quanto às publicações, imagens do local e da equipe podem ser postadas, além de informativos institucionais. É importante colocar o contato da instituição.

Twitter

Essa é uma mídia mais restrita, já que as publicações podem ter no máximo 280 caracteres. O Twitter pode ser usado para divulgar atualizações do site e novos posts, ou então para publicar novidades sobre a instituição.

LinkedIn

Essa é uma rede social mais voltada para a área profissional. Então, além de participar de grupos relacionados à área da saúde, é essencial publicar atualizações no perfil e criar conexões com outros profissionais do ramo. Recomenda-se também publicar vídeos, apresentações e infográficos para destacar a credibilidade e a experiência da instituição.

Quais são os princípios éticos que devem ser respeitados?

O uso das mídias no atendimento médico pode oferecer muitos resultados excelentes para um consultório, clínica ou hospital. Mas é preciso que esse uso seja mais conservador, discreto e cuidadoso com os princípios éticos.

Consultas via rede social, por exemplo, não podem existir de forma alguma. As mídias conseguem melhorar o contato do médico com o paciente, mas jamais substituem a consulta, os exames ou demais procedimentos necessários.

Além disso, é preciso ter um cuidado extremo com a privacidade. Imagens de pacientes e os casos que são tratados na instituição não devem ser publicados em redes sociais ou sites sem uma autorização. E mesmo sendo autorizada a publicação, o rosto e o nome dos pacientes não podem ser divulgados.

É importante lembrar que o rompimento da confidencialidade provavelmente colocará em risco a confiança dos pacientes e potenciais clientes no profissional e na instituição.

Vale lembrar também que o uso de um software de gestão de clínicas possibilita uma integração do status do processo de consulta a outras mídias que são utilizadas pelos clientes e potenciais clientes, como as mensagens SMS, por exemplo, o que otimiza o atendimento e garante a segurança das informações.

Dessa forma, vimos que utilizar as mídias no atendimento médico tem dois lados, tanto um bom quanto um ruim. No entanto, se forem utilizadas de maneira correta e respeitando todos os princípios éticos, elas podem ser canais muito importantes para um bom engajamento com o público, oferecendo ótimos benefícios para a saúde e para a organização.

Agora que você já sabe como as mídias podem influenciar no atendimento médico, entre em contato conosco e conheça nossos serviços. Basta acessar nosso site!

Deixe seu comentário