fbpx
Atendimento

Conheça os pilares de um bom consultório médico

Conheça os pilares de um bom consultório médico

Um desejo de muitos profissionais da área de medicina é o de montar seu próprio consultório médico. Contudo, como abrir um consultório e garantir seu sucesso? Primeiramente, o profissional deve ter consciência de que essa tarefa exige esforço e dedicação, já que não depende apenas dos seus conhecimentos na área de saúde.

A qualidade do atendimento em um consultório médico envolve a consulta direta com o paciente, o controle financeiro, a organização do espaço físico, o investimento em inovações, e muito mais.

No post de hoje trazemos alguns pilares que definem o sucesso de um consultório médico. Acompanhe!

1. Processos detalhados

Uma das primeiras ações a serem tomadas ao se abrir um consultório médico é a de descrever detalhadamente todos os seus processos. Muitas vezes, os gestores acham que sabem os processos de cabeça, mas se confundem na hora da organização.

Ter os processos detalhados é a base para a programação e organização de recursos materiais e humanos e controle financeiro. Por exemplo, em um consultório de obstetrícia, pode-se detalhar um atendimento de pré-natal (número de consultas, exames de laboratório e de imagens solicitados).

2. Conveniência

A concorrência no meio médico é grande e os pacientes cada vez tem menos tempo para consultas. Por isso, é interessante oferecer todo o atendimento em um mesmo lugar (consulta, exames radiológicos) e reduzir o número de vezes que o paciente tem que ir até o consultório. A localização perto de laboratórios é sempre uma boa estratégia.

3. Acesso facilitado

O consultório deve ter uma localização acessível para o paciente. Antes de abrir o consultório, é preciso definir a classe dos pacientes que pretende atender para a melhor escolha da localização.

O acesso facilitado diz respeito também aos preços e formas de pagamento do consultório. A tabela de valores vai ser estabelecida de acordo com o atendimento oferecido e a classe atendida. Para qualquer classe, facilitar a forma de pagamento, como o uso de cartões de crédito e parcelamento, é um diferencial que atrai mais pacientes.

4. Relacionamento com o paciente

O atendimento que se recebe do médico é um dos principais aspectos que o paciente avalia ao decidir se retornará a um consultório médico. Mostrar que o consultório se preocupa com o paciente e oferecer um cuidado humanizado é o caminho para a fidelização de pacientes.

É preciso também realizar treinamento de pessoal com toda a equipe (outros profissionais de saúde que atendem no consultório, secretária, assistente), para garantir um atendimento de qualidade em todos os momentos.

5. Tecnologia como aliada

O uso da tecnologia na área de saúde vem trazendo benefícios e facilidades em hospitais, clínicas e consultórios, por isso vale a pena explorar os recursos tecnológicos.

Um bom começo é a contratação de um software de gestão para o consultório. Ele auxilia na organização interna e na comunicação com os pacientes, além de trazer diversas outras vantagens.

6. Infraestrutura

É essencial para qualquer estabelecimento de saúde passar uma impressão de limpeza e organização, para que o paciente se sinta seguro e tenha uma experiência agradável durante o atendimento. A sala de espera deve ser confortável, bem-arrumada e ter itens básicos (filtro de água, revistas, ar-condicionado). O consultório deve estar sempre muito limpo e organizado. Afinal, a primeira impressão é a que fica.

Construir um bom consultório médico depende do investimento em diferentes áreas e requer habilidades de gestão. Utilizar esses pilares (outros) é um dos caminhos para que o consultório venha a prosperar e os pacientes saiam satisfeitos.

Com essas dicas, você pode melhorar o atendimento em seu consultório, não é mesmo? Então, baixe agora mesmo o e-book Gestão da clínica médica: os 3 pilares que fazem toda a diferença e continue aprimorando seu consultório!

Deixe seu comentário